Bourbon Festival Paraty 2017 – Programação

Bourbon Festival Paraty 2017 – Programação

O Bourbon Festival Paraty (www.bourbonfestivalparaty.com.br) chega a sua 9ª edição, que acontece de 9 a 11 de junho (6a feira a domingo), com shows gratuitos na cidade histórica de Paraty (RJ). O festival receberá nesta edição três grandes nomes internacionais: guitarrista americano Joe Louis Walker. O discípulo e parceiro de Miles Davis, Wallace Roney e seu quinteto, e Grégoire Maret, o mais requisitado gaitista entre os grandes nomes da música mundial.

Edgard Radesca, criador e produtor do festival:
“Este ano, por não contarmos com os patrocinadores das ultimas edições, tivemos que tomar uma difícil decisão: não realizar o festival ou realizá-lo menor, com menos artistas e palcos, mas mantendo a alta qualidade artística que é a marca registrada do festival. E assim, decidimos realizá-lo! Esperamos que o público que sempre prestigiou o festival apoie nossa decisão e venha a Paraty curtir esta bela cidade e as excelentes atrações que programamos… The show must go on !”

 

PROGRAMAÇÃO – PALCO MATRIZ

Sexta-feira 09/06Paraty-mont

21h00 – Wallace Roney (USA)
Wallace Roney ganhou a admiração e o respeito de seus colegas músicos e também dos mais velhos desde os 16 anos de idade. Ele foi parte integrante de diferentes bandas – com Tony Willians, Clark Terry, Ornette Coleman, Art Blakey, Elvin Jones, Philly Joe Jones, Herbie Hancock, McCoy Tyner, Sonny Rollins, Carole King, Joni Mitchel e Dizzy Gillespie – para citar somente algumas. “Meu objetivo é fazer a melhor música que eu posso. Eu gosto, ouço e posso tocar todos os tipos de música filtrando e colocando minhas impressões através da experiência do Jazz.” Wallace Roney.
O Wallace Roney Quintet traz atualmente, além de seu fundador e líder, os músicos Benjamin Robert Solomon (sax), Oscar Williams (piano), Curtis Lundy(baixo) e Eric Allen (bateria).

22h30 – Bell Brazil (Participação especial Filó Machado)
Intérprete gaúcha com trajetória internacional tem seu primeiro CD independente produzido pelo cantor, compositor, arranjador e violonista Filó Machado. Com várias turnês internacionais na bagagem, tem estilo próprio influenciada desde a raíz da música brasileira até o jazz norte-americano. Nesta noite, acompanhada pelos violonista João Abílio e Filó Machado faz um show intimista passeando pelos clássicos do jazz e da Bossa Nova. E ainda promote uma homenagem à Diva do Jazz Sarah Vaughan.

24h00 – Marcinho Eiras “One Man band”
Conhecido por sua técnica de tocar duas guitarras ao mesmo tempo, o One-Man-Band Marcinho Eiras utiliza elementos como beat Box, vocalizes e percussão criando versões inusitadas de música pop e explorando os recursos tecnológicos em um show de criatividade e virtuosismo.

 

Sábado 10/06

21h00 – Léo Gandelman & Julio Bittencourt Trio
Há muito que o jazz rendeu-se aos Beatles. Na lista de standards preferidos de cantores e instrumentistas do gênero, temas de Lennon e McCartney são recorrentes. Léo Gandelman e Julio Bittencourt Trio fazem um show especial trazendo os grandes sucessos em versões exclusivas, uma surpresa a cada música.

22h30 – Joe Louis Walker (USA)
Nascido em São Francisco e filho de um casal de amantes do blues, Joe Louis Walker cresceu ouvindo os grandes mestres do gênero. Começou a estudar guitarra ainda criança e aos 16 anos já tocava profissionalmente em um dos lugares mais badalados da cidade, The Matrix, onde teve a oportunidade de abrir ou tocar junto com nomes que vão de Lightnin’ Hopkins a Jimi Hendrix e Thelonious Monk. Seu mais recente álbum, o aclamado Everybody Wants A Piece – Mascote / Provogue, indicado ao Grammy de 2016, sedimenta seu legado por manter acesa a chama do blues.
Joe Louis Walker: guitarra
Anthony Cage: bateria
John Bradford: baixo
Murali Illya Coryell: guitarra

24h00 – André Frateschi & Miranda Kassin
O casal está na estrada junto desde que se conheceu, há dez anos atrás. Ambos despontaram no saudoso e importante Studio SP, a casa que lançou além deles dois, artistas como Céu, Criolo, Tulipa Ruiz, Tatá Aeroplano e Vanguart, por exemplo. Ambos ficaram em cartaz durante os 8 anos da casa com seus tributos a Amy e Bowie.

 

Domingo 11/06

21h00 – Hammond Grooves
Daniel Latorre ao Hammond B-3, Wagner Vasconcelos na bateria e Filipe Galadri na guitarra, o HAMMOND GROOVES. Nas apresentações o HAMMOND GROOVES executa temas autorais que mesclam o jazz com ritmos brasileiros: maracatú, samba, baião, frevo e etc, como nas músicas Samba na Rede, Funktaztic, Água de Coco, Payperview, Varanda e Chá-com-bolo. O show inclui músicas conhecidas nesta formação de organ trio.

22h30 – Grégoire Maret (SUIÇA) & Thiago Espírito Santo Trio
Grégoire Maret é o mais requisitado gaitista entre os grandes nomes da música mundial. Nasceu em 1975, em Genebra na Suíça, e começou a tocar gaita aos 17 anos. Sua infância foi repleta de influências musicais de sua mãe afroamericana e seu pai Suíço, um músico de jazz local.
O contrabaixista Thiago Espírito Santo e banda, são mais uma atração de peso no projeto Jazz.Br- o jazz no domínio brasileiro, do Bourbon Street. Somam ao contrabaixo de Thiago, os ritmos e levadas de Cleber Almeida na bateria, a elegância de Vinicius Gomes na guitarra e no violão, o bom gosto de JP Barbosa no saxofone e na flauta e a sutileza e beleza do bandolim e bandolão de Fábio Peron. No repertório Fizê, Vale do Sul, Na Cara do Gol e as inéditas Vâmo Simbora – dedicada ao Dominguinhos e Fogo Baixo, Chapa Quente – em homenagem a Filó Machado.

24h00 – “3×1” com Mestrinho, Pipoquinha e Alex Buck
A sanfona de Mestrinho, o baixo prodígio de Pipoquinha e a experiência do multi-instrumentista Alex Buck juntos no palco com o show 3 x 1. Os novos ares da música brasileira reverenciando a música nordestina e nomes como Gilberto Gil e Dominguinhos.